Aba 1

Postado em 27 de Março de 2017 às 11h51

Inflação oficial acumula taxa de 4,73% em 12 meses, segundo prévia de março

Acenm/CDL A prévia da inflação oficial, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo – 15 (IPCA-15), registrou uma variação de 0,15% em março. A taxa é inferior ao...

A prévia da inflação oficial, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo – 15 (IPCA-15), registrou uma variação de 0,15% em março. A taxa é inferior ao 0,54% de fevereiro deste ano e ao 0,43% de março de 2016.
Segundo dados divulgados hoje (22) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o IPCA-15 acumula taxa de 4,73% em 12 meses, próximo ao centro da meta de inflação do governo federal, que é de 4,5%. No ano, a prévia da inflação oficial acumula taxa de 1%.
O principal responsável pela queda da taxa de inflação entre fevereiro e março foram os transportes, que tiveram deflação (queda de preços) de 0,16%. O resultado foi motivado pelas variações na gasolina (-1,06%), no etanol (-2,69%) e nas passagens aéreas (-9,71%).
Os alimentos também tiveram queda de preços pelo segundo mês consecutivo. Desta vez, a deflação foi de 0,08%, devido à variação em produtos como feijão-carioca (-10,36%), feijão-preto (-8,27%), frango inteiro (-2,39%) e carnes (-1,31%).
Por outro lado, os gastos com habitação evitaram uma queda maior da inflação, ao aumentarem em 0,64% na prévia de março. O principal responsável por esse movimento foi o custo da energia elétrica, que subiu 2,45% e respondeu por mais da metade da inflação no período.

Fonte: Agência Brasil

Veja também

Economia mutuense registrou queda em dezembro, mas saldo de 2020 foi positivo29/01 Apesar da pandemia, mais de mil empregos foram gerados no ano passado. Vendas do comércio cresceram 1,44% no ano Nova Mutum criou 1.017 novos postos de trabalho em 2020, fechando o ano com o total de 15.968 pessoas com carteira assinada. Contudo, dezembro fechou com saldo de menos 257 postos, puxado fortemente pela agropecuária. Foram 715 admissões frente 972 demissões. Os dados......
CORRUPÇÃO EM DISCUSSÃO: Acenm/CDL convoca a participação dos empresários04/08/16Evento será no dia 9 de agosto, no auditório da entidade De iniciativa do Ministério Público do Estado de Mato Grosso em parceria com a Associação Comercial e Empresarial de Nova Mutum e Câmara de Dirigentes Lojistas (Acenm/CDL), a Excelentíssima Senhora Doutora Ana Carolina......
Hermínio Carli assume a CDL de Nova Mutum23/04/15Marcelo Mayolino deixa o cargo em função de mudança para outro município Hermínio Carli é o novo presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Nova Mutum (CDL). Eleito e empossado vice-presidente no início do ano, ele substitui o empresário Marcelo Mayolino, que pediu dispensa do cargo de......

Voltar para Notícias