Aba 1

Postado em 28 de Fevereiro de 2020 às 08h27

Governo do Estado, Assembleia e Setores Econômicos passam a ter agenda de diálogos

SEFAZ-MT (28)

O Governo de Mato Grosso, a Assembleia Legislativa, por meio da Comissão Especial que trata dos Incentivos Fiscais e sistema tributário, e representantes dos setores do comércio do Estado passam a ter uma agenda constante de reuniões para dialogar e encontrar soluções em prol de todos, principalmente, da sociedade mato-grossense.

O objetivo é fazer ajustes que possam facilitar a tomada de decisões e ter resultados efetivos na busca pela desburocratização e segurança jurídica.

As reuniões serão técnicas e com todos os setores envolvidos.

Governo de Mato Grosso
Assembleia Legislativa de Mato Grosso
Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso (Fecomércio-MT)
Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Estado de Mato Grosso (Facmat)
Câmara de Dirigentes Lojistas de Cuiabá (CDL Cuiabá)
Associação Comercial e Empresarial de Cuiabá (ACC Cuiabá)
Porto Seco de Cuiabá
Associação dos Comerciantes de Materiais de Construção do Estado de Mato Grosso (Acomac-MT)
Sindicato do Comércio Varejista de Material de Construção, Louças, Tintas, Vidraçaria, Ferragens, Elétricas e Hidráulicas do Estado de Mato Grosso (Sindcomac-MT)
Sindicato do Comércio Varejista de Produtos Farmacêuticos do Estado de Mato Grosso (Sincofarma-MT)
Associação Matogrossense de Atacadistas e Distribuidores (Amad)
Sindicato do Comércio Atacadista Distribuidor do Estado de Mato Grosso (Sincad-MT)
Sindicato do Comércio Varejista de Gêneros Alimentícios do Estado de Mato Grosso (Sincovaga-MT)
Sindicato do Comércio das Ópticas do Estado de Mato Grosso (Sindióptica-MT)
Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (Sindipetróleo-MT)

Fonte: SEFAZ-MT

Veja também

Simples Nacional: Receita flexibiliza regras de reparcelamento14/10/20 Medida atende às empresas com débitos no Simples e no Simei. A Secretaria Especial da Receita Federal publicou nesta terça-feira, 13, a Instrução Normativa 1.981/2020 que altera regras de parcelamento de débitos constituídos no âmbito do Simples Nacional. O texto dispõe sobre o parcelamento de débitos apurados no Regime Especial Unificado......
Governo reduz ICMS para bares, restaurantes e estabelecimentos similares24/02/20Imposto cai para empreendimentos descritos na lei e obriga a destinação de 1% ao Funtur O governador Mauro Mendes assinou decreto que regulamenta a redução do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para bares, restaurantes e estabelecimentos similares. O Decreto 378/2020, publicado no......

Voltar para Notícias

Acesse o regulamento no anexo a seguir:

Nós utilizamos Cookies para trazer uma experiência mais relevante nas suas navegações. Para saber mais acesse nossa Política de Privacidade.