Aba 1

Postado em 09 de Junho de 2017 às 15h01

Acenm e Cdl lança campanha “Roupa boa a gente doa”.

Acenm/CDL    Nesta sexta-feira (09) inicia a campanha do agasalho (roupa boa a gente doa), esta campanha é desenvolvida pela Acenm e Cdl de Nova Mutum. Com a chegada do frio a população mais carente acaba sendo...

   Nesta sexta-feira (09) inicia a campanha do agasalho (roupa boa a gente doa), esta campanha é desenvolvida pela Acenm e Cdl de Nova Mutum. Com a chegada do frio a população mais carente acaba sendo castigada por não ter agasalhos suficientes.

   O objetivo da Campanha do Agasalho é coletar o maior número possível de roupas, calçados, agasalhos e cobertas para suprir as necessidades de famílias e pessoas carentes. Assim, na época do frio, diminuir o sofrimento daqueles que não tem como se aquecer, depois de coletados será levado até uma entidade que já possuem um cadastro de pessoas que precisam.

   Na ação, todas a população de Nova Mutum pode ajudar e, para isso, a Acenm e Cdl está com um ponto de coleta. Nesta campanha temos um grande número de parceiros entre empresas, que disponibilizam seus espaços para que clientes e a comunidade possam fazer suas doações e, assim, aquecer o inverno daqueles que mais precisam.

   Pontos de coleta: Ultra Popular Av. Mutum, Ultra Popular Av. Pavões, Casa de carne Chapecó, Loja Castelini, Loja meu Bebê, Brazil Turismo, Loja Arco Íris, O boticário, Posto Bem Brasil, Brincarte, Wizard, Meta Treinamento, Paraná Contabilidade, Restaurante Casarin, Grupo Arinos e Casarin Panificadora.

   Para mais informações sobre a campanha ou quem quiser ser ponto de coleta pode estar entrando em contado com a Acenm/Cdl pelo telefone: 3308-1663

Fonte: Assessoria de Imprensa

Veja também

Estudo revela preferência dos brasileiros por marcas locais durante a pandemia14/07 Novo cenário impulsionou consumo de marcas locais e de produtos de higiene e limpeza Uma pesquisa realizada pela Kantar, empresa especializada em dados, revela que, com a pandemia de coronavírus alterando o hábito de consumo do brasileiro, as marcas locais cresceram na preferência do consumidor e passaram a ser compradas com mais frequência. A categoria representa mais de 65% do......

Voltar para Notícias