Aba 1

Postado em 07 de Novembro de 2019 às 08h17

Veja a previsão dos principais indicadores econômicos de 2019 até 2022

O crescimento econômico deste ano do Produto Interno Bruto (PIB) deve ser de 0,92%, uma leve alta diante do último dado de 0,91%

O MT Econômico traz para você a previsão dos principais indicadores da economia para 2019, 2020, 2021 e 2022. As estimativas são das instituições financeiras e analistas, por meio do boletim Focus. Veja abaixo:

PIB

O crescimento econômico deste ano do Produto Interno Bruto (PIB) deve ser de 0,92%, uma leve alta diante do último dado de 0,91%. As projeções para os anos seguintes não foram alteradas: 2% em 2020; e 2,50% em 2021 e 2022.

Inflação

A previsão para a inflação, calculada pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) deve ficar em 3,29% em 2019, 3,60%, em 2020, 3,75%, em 2021, e 3,50% em 2022. Todas abaixo do centro da meta de 4,29% em 2019, 4% em 2020, 3,75% em 2021 e 3,50% em 2022

Taxa Selic

Para o mercado financeiro, a Selic deve terminar 2019 e 2020 em 4,50% ao ano. Para 2021, a expectativa é que a Selic termine o período em 6% ao ano. Para o fim de 2022, a previsão é 6,50% ao ano.

Dólar

A previsão para a cotação do dólar segue em R$ 4 para o final de 2019 e 2020.

Fonte: MT Econômico

Veja também

Derrubado veto à prorrogação da desoneração da folha09/11/20 Com acordo dos líderes partidários, o Senado confirmou a decisão dos deputados e, por 64 votos a 2, derrubou o veto presidencial 26/2020 que impedia a prorrogação da desoneração da folha de pagamento de empresas de 17 setores da economia até 2021. A prorrogação foi incluída no texto da legislação pelo Congresso Nacional......
Acenm/CDL constrói novo e moderno auditório13/01/20Entrega das obras de reforma de toda a estrutura física da Acenm/CDL estão previstas para março Em pleno andamento, as obras de reforma da estrutura física da Acenm/CDL deverão ser finalizadas no dia 6 de março deste ano. Após conclusão da nova fachada do prédio, em dezembro, os trabalhos continuam na parte......

Voltar para Notícias

Acesse o regulamento no anexo a seguir:

Nós utilizamos Cookies para trazer uma experiência mais relevante nas suas navegações. Para saber mais acesse nossa Política de Privacidade.